Nascimento

Capacite-se e expresse seus desejos de dar à luz em seu plano de parto


Certamente, se você está grávida e prestes a dar à luz, já ouviu falar de um plano de parto. Não é obrigatório, mas a verdade é que é preciso parar e pensar: 'O que eu quero fazer enquanto estou dando à luz?', 'Como eu quero dar à luz?' O que eu gostaria que a pessoa que está me acompanhando soubesse? ' Capacite-se e expresse seus desejos de dar à luz em seu plano de parto.

O plano de parto é um documento no qual qualquer gestante pode expressar suas preferências, necessidades, desejos e expectativas sobre o processo de trabalho de parto e parto de seu bebê.

Não é necessário que o plano de parto seja o padrão do serviço de saúde que te corresponde, nem qualquer concreto fornecido por qualquer organização. Você pode desenvolver seu próprio plano de parto expressando suas ideias com base em seus conhecimentos e desejos. Uma das parteiras com quem fui treinada disse às mulheres para escreverem uma carta à parteira, dizendo que isso as ajudaria a se conhecerem melhor e a expressar tudo o que queriam dizer a ela.

O importante é chegar ao 'compromisso' informado, com dados de qualidade e verdadeiros e com ideias claras. Claro que temos que ter a mente aberta, já que o parto não é algo que possamos controlar e existem muitos fatores que estão além do nosso controle, por isso é super importante estarmos informados, com uma ideia do que queremos, mas com a nossa mente flexível.

Só acompanho as mulheres durante o parto há dois anos e meio, mas nessa época pude constatar que as mulheres mais bem preparadas, principalmente psicologicamente, são as que melhor lidam com o parto. Mas já não é só isso, senão que quem está bem informado é quem pode decidir verdadeiramente sobre o seu parto. Informação é sempre poder.

Por exemplo, no hospital que formei o protocolo quando uma mulher veio com uma bolsa quebrada, ela disse que tinha que fazer a indução às 12 horas, mas também considerou que poderia esperar 24 horas, pois a evidência diz que isso é seguro. Se a gestante que vem ao hospital for informada, ela pode pedir para não ser induzida até depois de 24 horas, porém, se não for, a induzirão ao meio-dia.

O mesmo acontece com os cargos voltados para a expulsão. A posição de litotomia é a menos fisiológica que existe, e desde que tudo corra bem, a mulher é quem decide em que posição quer dar à luz. Então, poderíamos conversar sobre muitas outras coisas.

Um plano de parto não tem por objetivo planejar o desenvolvimento do trabalho de parto e nascimento, pois sempre pode haver circunstâncias imprevisíveis e os profissionais aconselham a intervenção mais adequada para essas circunstâncias, sempre com consentimento. Mas tem como objetivo que a mulher seja informada, capacitada e capaz de expressar seus desejos.

Mesmo desejos simples, como podem ser, qual pessoa eu quero me acompanhar, se eu quiser ter minhas roupas em vez da bata do hospital, se eu quiser usar óleos essenciais ou minha música etc.

Por tudo isso, incentivo todas as futuras mamães a refletirem sobre todos esses aspectos. Ainda temos muito que mudar os profissionais, sim, mas muito está em seu poder. Por meio de suas solicitações, sugestões e reclamações, é como os serviços de saúde mudam. Essa é a pressão que é necessária, a luta dos pacientes, apoiada pelos profissionais, mas é impensável se não vier de você.

Depois de ouvir a notícia de que você está grávida, A próxima informação que você quer saber é quando seu bebê vai nascer. No nosso site temos um método para saber em que dia aproximado poderá realizar o seu grande desejo de ver o rosto do seu filho graças à nossa calculadora de entrega.

Para saber esta informação valiosa, Você só terá que inserir a data da sua última menstruação e obterá a data. Mas não só isso, você saberá em que dia concebeu seu filho, quando poderá ouvir os primeiros batimentos cardíacos, sentir seus primeiros chutes e a data para saber o sexo do bebê.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Capacite-se e expresse seus desejos de dar à luz em seu plano de parto, na categoria Entrega no local.

Vídeo: MEU PARTO HUMANIZADO. NASCIMENTO DO JOAQUIM (Outubro 2020).